segunda-feira, 8 de outubro de 2012

ANTIGOS CAMINHOS PARA A FAZENDA DO CÓRREGO SECO, FUTURA IMPERIAL COLÔNIA DE PETRÓPOLIS - DADOS E ITINERÁRIOS DO CAMINHO VELHO, DO CAMINHO NOVO E DA VARIANTE DO CAMINHO NOVO (RESUMO)

1. CAMINHO VELHO:

a) data de fundação e autoria: meados de 1600 - bandeirantes;

b) itinerário:

b.1) de São Paulo: Piratiniga > Taubaté > subida da Serra da Mantiqueira > São João del Rey > Vila Rica (Ouro Preto) > Caetés > Sabará > extensões para Tijuco (Diamantina) > Jaguará > Fazenda Meia Ponte (Pirenópolis);

b.2) do Rio de Janeiro: barco até Paraty > subida e descida da Serra do Mar até Taubaté > Caminho Velho;

c) tempo de viagema partir do Rio de Janeiro: 99 dias, 43 a pé ou a cavalo;

2. CAMINHO NOVO:

a) data de fundação e autoria: 1704 - Garcia Rodrigues;

b) itinerário: porto do Rio Pilar, aos fundos da Baía de Guanabara > subida da Serra do Mar na altura de Xerém > Marco da Costa > Paty do Alferes > Paraíba do Sul > Juiz de Fora > Barbacena;

c) tempo de viagem: 20 a 30 dias (1/3 de redução do Caminho Velho);

3. VARIANTE DO CAMINHO NOVO (CAMINHO DO PROENÇA OU CAMINHO DE INHOMIRIM):

a) data de fundação e autoria: 1724 - Bernardo Soares Proença;

b) itinerário: Porto da Estrela no fundo da Baía da Guanabara (atual Praia de Mauá) > rio Inhomirim > Serra da Estrela (Serra Velha) > Alto da Serra > Rua Tereza > Fazenda Córrego Seco (atualmente Edifício Pio XII na Rua Marechal Deodoro) > Estação de Transbordo Imperatriz Leopoldina (antiga Estação Ferroviária com o mesmo nome) > Rua Silva Jardim > Quissamã > Estrada Mineira > Distrito de Correias > Distrito de Pedro do Rio > Secretário > Freguesia de Santana de Cebolas (atual Distrito de Inconfidência, em Paraíba do Sul) > Caminho Novo em Paraíba do Sul;

c) tempo de viagem: apenas 10 dias.

CONCLUSÃO: Deve-se a Bernardo Proença a existência de Petrópolis, pois,

"se ele não tivesse aberto a Variante do Caminho Novo passando pelo Córrego Seco, todo o desenvolvimento da nossa região teria acontecido no eixo Xerém-Paty do Alferes-Miguel Pereira-Paraíba do Sul, que era o traçado original daquela via feita por Garcia Rodrigues Paes",

e "foi por ela que, em 1827, Dom Pedro I levou sua filha princesa Dona Paula, de sete anos, muito doente, para se recuperar em Correias, onde acabou comprando a fazenda do Córrego Seco. Doze anos depois seu filho Dom Pedro II fundaria no local a cidade de Petrópolis. Não fosse a variante, Pedro I teria levado a sua filha para Miguel Pereira ou Paty do Alferes, que também têm ótimo clima e ficavam no caminho da antiga subida do Caminho Novo por Xerém".

(http://fctp.petropolis.rj.gov.br/fctp/modules/mastop_publish/print.php?tac=Antecedentes_%E0_Funda%E7%E3o ehttp://pt.wikipedia.org/wiki/Caminho_do_Proen%C3%A7a)

Nenhum comentário:

Postar um comentário